terça-feira, 4 de setembro de 2012

Prefeitura diz que já iniciou trabalhos

Obras de esgotamento em Várzea Nova devem ser entregues em dezembro de 2013; segunda a Cagepa serão investidos mais de R$ 4 milhões.


 

Segundo o secretário de Infraestrutura de Santa Rita, Werissom Duarte, a Prefeitura já iniciou, desde o começo deste ano, alguns trabalhos para minimizar esses transtornos. No entanto, ele admitiu que a população ainda terá que enfrentar os problemas, pelo menos, por mais cinco meses. É que o serviço de esgotamento sanitário, que deverá eliminar a presença de esgoto nas ruas, só deverá ser iniciado em janeiro, pela Companhia de Abastecimento de Água e Esgoto da Paraíba (Cagepa).

“O esgotamento é de competência do Estado e a previsão é que comece no próximo ano, mas não sei qual valor que será investido. Já os serviços de tapa-buracos e recapeamento em Várzea Nova e em Odilândia (outro distrito de Santa Rita) já foram iniciados e estão sendo pagos pela Prefeitura”, afirmou.

“Fizemos licitações e contratamos a empresa, mas tivemos alguns problemas com a firma, mas que já foram resolvidos. Os trabalhos foram retomados e já estamos até concluindo as obras em diversos pontos de Várzea Nova. Não temos condições de fazer tudo ao mesmo tempo, mas estamos priorizando algumas regiões do centro de Santa Rita e também de bairros mais afastados”, acrescentou.

CAGEPA
A assessoria da Cagepa informou que os trabalhos em Várzea Nova estão em fase de instalação do 'canteiro de obras', com conclusão para o início dos trabalhos em 30 dias e previsão de entrega para dezembro de 2013.

A implantação do esgotamento sanitário terá um investimento de R$ 4.503.886,99. A obra prevê a execução de 1.071 ligações domiciliares e 1.500 ligações intradomiciliares; implantação de 7.500m de rede coletora e construção de uma estação elevatória, que enviará os esgotos para a estação de tratamento em Santa Rita.


 

2 comentários:

  1. Precisamos ter melhores condições de vida nessas localidades. Sem esgoto não dá mesmo para ter uma comunidade com o mínimo de estrutura.

    Parabéns pelo blog, muito rico em informações ambientais sobre a Paraíba. A propósito, qual a fonte da informação? Liana B

    ResponderExcluir
  2. Todas as postagens contém a Fonte no final. Basta clicar nela para redirecionar para fonte das notícias.

    Valeu!

    ResponderExcluir